Advogado pobre - Advogados



comilhas  
 

Os 50 Sintomas de Pobreza do Advogado.


- Depois de 5 anos de formado, descobrir que não vai ganhar dinheiro como

advogado e prestar concurso pra Oficial de Justiça.


- "Incorporar" ao escritório uma imobiliária, despachante, serviço de Junta

Comercial ou cópias xerográficas.


- Convencer a mulher a trabalhar como secretária (para não ter de pagar

salário), e a filha a fazer "Direito" na USP, para estudar de graça (e depois

também trabalhar de graça).


- Ensinar a secretária a fazer as petições mais simples, para não ter de pagar

estagiário.


- Dar caixinha para Oficial de Justiça com ticket-refeição de 3 reais.


- Dar lembrancinhas de final de ano aos funcionários do Fórum compradas no 1,99

que fica ao lado do Fórum.


- Ir a casamentos, batizados ou festas de aniversário usando o anel de formatura

e o broche da OAB ou do escritório preso na roupa.


- Ir a qualquer evento social e distribuir o seu cartão para todo mundo

(inclusive manobristas, garçons,...).


- Trazer garrafa térmica com água quente de casa e servir café solúvel aos

clientes.


- Andar com dois celulares na cintura, sendo os dois pré-pagos, e só recebendo

ligações.


- Aceitar fazer uma execução de 50 reais e tentar fazer um acordo.


- Tentar a conversão de uma separação litigiosa em consensual, para receber os

honorários mais depressa.


- Fazer o estagiário recolher custas com dinheiro do próprio bolso (do

estagiário) e "esquecer" de pagá-lo.


- Exigir que o estagiário tenha inglês e informática, porque não sabe mexer no

computador.


- Ter computador no escritório e só saber jogar Paciência nele.


- Dizer ao estagiário: "A sua maior paga é o que você aprende aqui".


- Exigir que o estagiário tenha carro e pagar o combustível a preço de banana.


- Lembrar todos os dias para o estagiário que cursa o quinto ano da faculdade

que "gratidão é uma coisa muito importante".


- Orientar o estagiário a prestar concurso.


- Orientar o estagiário a atuar em uma área diferente da sua.


- Perder prazo e colocar a culpa no estagiário.


- Tentar convencer amigos e parentes que queiram prestar vestibular para Direito

a não fazê-lo, alegando que o mercado já está muito saturado.


- Economizar o dinheiro do almoço, passando vinte vezes na sala da OAB no Fórum

pra tomar café e comer bolacha de graça (a despeito da anuidade, mas esta também

não é paga).


- Quando se envolver em alguma discussão no trânsito, dizer "Você sabe com QUEM

está falando?" e mostrar a carteira da OAB.


- Dar carteirada de OAB no guarda.


- Ter dois ou mais adesivos "Consulte sempre um Advogado" nos vidros do carro.


- Denominar, nas petições, o homem de "varão", a mulher de "varoa", a

companheira de "amásia" e divórcio, de "desquite".


- Usar os mesmos códigos há mais de 10 anos.


- Levar fogão velho e geladeira à hasta pública como execução de seus

honorários.


- Inscrever-se na assistência judiciária e ligar todo santo dia para o fórum,

OAB ou Procuradoria para saber se "pintou alguma coisa".


- Entulhar as prateleiras do escritório com um monte de livros que nunca leu.


- Se for homem e recém-formado, usar barba, bigode e óculos para tentar parecer

mais velho.


- Se for mulher, usar roupas insinuantes nas audiências para tentar distrair o

juiz.


- Ter aquela "balancinha" de latão pintada de amarelo sobre a mesa do

escritório.


- Gravar na secretária eletrônica de casa: "Residência do DOUTOR....".


- Havendo sala de espera para os clientes, ter no cesto de revistas apenas os

boletins e jornais da OAB.


- Ir visitar a mãe e orientar a secretária para dizer que está em um congresso.


- Ficar sem emprego por mais de um ano e dizer que está estudando para concurso

da Magistratura.


- Dizer que tem pós graduação e não ter.


- Ficar de olho nos fotógrafos em eventos sociais de advogados, fazer de tudo

para aparecer em uma foto (nem que seja atrás de alguém) que pode ser publicada

no jornal, e se for mesmo, recortá-la e colar na parede do escritório.


- Garantir ao cliente que a causa está ganha, e quando a coisa ficar preta,

substabelecer.


- Para dizer que está se modernizando, fazer UMA página na Internet, com uma

foto, currículo e telefone do escritório e colocar no site do Geocities.


- Aceitar SEMPRE frango, porco ou cesta básica como pagamento de honorários.


- Cobrar bem abaixo da tabela da OAB.


- Fazer um flagrante e aceitar cheque pré-datado.


- Comprar a "agenda do advogado" e anotar os compromissos em guardanapos de

papel.


- Comprar contrato pronto em papelaria.


- Vender produtos da Avon no escritório.


- Vender rifa no escritório.


- Ofender-se com piadas de advogados.


- Ser advogado, receber este e-mail, e passá-lo adiante!!!

 
  comilhas









Google+ | Facebook | frases | sonhos DMCA.com Protection Status política de privacidade |
© 2001-2015 sergeicartoons.com