Papagaio alejado - Papagaios



comilhas  
 

José vivia em harmonia com sua mulher logo que se

casou ,uma vez que ela era bem mais nova que ele. Mas, como o tempo passa para todos, não poderia deixar de passar para José. Ele e sua mulher

já não viviam na ativa como antes. Ele passou a observá-la e desconfiou que ela o estava traindo,

mas, como trabalhava o dia inteiro não tinha como

vigiá-la 24 horas. José então, resolveu comprar um

papagaio para vigiar sua esposa e depois contar o

que acontecia na sua ausência.

José morava muito longe da cidade, por isso foi

difícil encontrar um papagaio. Ele procurou em to-

das as lojinhas, mas, parecia inútil. Até que,

quando já estava desistindo, encontrou um boiadeiro que tinha um papagaio pra vender. Eles

negociaram e, o boiadeiro falou que só tinha um

probleminha, mas José queria o papagaio de qualquer jeito. Foram ver o probleminha. Quando

José viu o pagagaio na gaiola viu que ele não tinha pés, e por isso não se equilibrava no puleiro. Ele ficava pendurado com o pênis que já

estava até com uma de guincho. José nem ligou, levou o bichinho pra casa e deu as intruções a ele de observar sua mulher e lhe contar tudo depois.

Amanheceu o dia e José foi trabalhar. O papagaio

estava atento a tudo na casa.

À noite José chegou aflito, super curioso, questionando o papagaio sobre sua mulher:

-E aí? Aconteceu alguma coisa?

-É, aconteceu...

- O quê? O que?!

- Quando o senhor virou as costas entrou um homem

aqui, e sua mulher trouxe ele pro quarto...

- E o que ela fez?!

- Ah, ela tirou a blusa, depois a saia...

- E depois? Fala logo papagaio!

- Ah, depois ela tirou o sutiã...

- Continua papagaio, me conta o que ela fez depois?

- É... é, depois ela tirou a calcinha

- Mas e depois papagaio, fala logo, me conta

- Ah... depois eu não sei, por que meu pau ficou duro e eu caí do puleiro!

 
  comilhas









Google+ | Facebook | frases | sonhos DMCA.com Protection Status política de privacidade |
© 2001-2015 sergeicartoons.com